Ferríticos

Conheça as famílias dos aços inoxidáveis.

Os aços inoxidáveis ferríticos têm propriedades semelhantes às do aço doce, mas apresentam melhor resistência à corrosão. Os mais comuns são os graus contendo 11% e 16% de cromo – o primeiro usado principalmente em sistemas de escapamento de veículos e o último principalmente em utensílios de cozinha, máquinas de lavar e arquitetura interna.

Os aços inoxidáveis ferríticos tem uma estrutura cristalina cubico de corpo centrado, que é o mesmo do ferro puro a temperatura ambiente. O principal elemento de liga é o cromo com teores tipicamente entre 11 e 17%. O teor de carbono é mantido baixo  o que resulta nestes aços uma limitada resistência mecânica. Não são endurecíveis pelo tratamento térmico e no estado recozido o limite de escoamento é de 275 a 350 MPa. 

Os aços ferríticos são do tipo de baixo custo mas tem limitada resistência à corrosão comparado com os austeníticos mais comuns. Da mesma forma são limitados na tenacidade, conformabilidade e soldabilidade em comparação aos austeníticos.

 Ao contrário dos austeníticos, os aços inoxidáveis ferríticos não contêm níquel. Isso os torna uma alternativa econômica em muitas aplicações.

A Solução Ferrítica fornece uma visão geral das propriedades dos aços inoxidáveis ferríticos, as vantagens de usá-los e as aplicações em que podem ser usados. A Solução Ferrítica é um documento de referência crucial para usuários, especificadores e produtores de aço inoxidável.

As dimensões de fornecimento (ou seja espessura) são restritas devida a baixa tenacidade. São entretanto do grupo ferro magnetico “mole” e tem assim algumas utilizações especiais, como por exemplo núcleo de vavulas solenóides.

Principais benefícios

  • Resistência à corrosão moderada a boa com o  aumento do teor  de cromo;
  • Não endurecido por tratamento térmico , é sempre usado na condição recozida;
  • É magnético;
  • Resistente a corrosão sob tensão.

Aplicações

  • Acabamento automotivo (tipo 430);
  • Escapamentos automotivos (tipo 409, 439);
  • Equipamentos de desgaste a abrasão/corrosão (1,4003, 410D), usinas de açúcar;
  • Tanques de água quente, caixas d’água (444);
  • Fabricação de talheres, panelas, eletrodomésticos.

Principais acabamentos

Em aplicações que  exigem  desgaste  por  abrasão/corrosão,  utiliza  se  nas  espessuras  acima  de  8  mm,  o  acabamento  Nº1  e  para  espessuras inferiores o acabamento 2D ou 2B.

SAIBA MAIS SOBRE AS OUTRAS FAMÍLIAS DO AÇO INOX​

Duplex

Os aços inoxidáveis ​​duplex formam a mais recente família de aços inoxidáveis, testados já na década de 1930 e produzidos ...

Martensíticos

Os aços inoxidáveis ​​martensíticos têm uma excelente relação resistência/peso, forte resistência à corrosão, boa dureza e uma ampla gama de ...

Ferríticos

Os aços inoxidáveis ferríticos têm propriedades semelhantes às do aço doce, mas apresentam melhor resistência à corrosão. Os mais comuns são ...

Austeníticos

Os aços inoxidáveis austeníticos contêm uma quantidade significativa de cromo e níquel ou manganês suficiente para “estabilizar” a microestrutura de ...